Dicas valiosas para o sucesso da Academia Digital de Vendas

7 Dicas valiosas para o sucesso da sua Academia Digital de Vendas

Se você é responsável por decidir e atualizar os métodos e formatos de treinamento das equipes de Vendas

jornadas de aprendizagem que engajem o vendedor

Imagem: Marcus Souza

Se você é responsável por decidir e atualizar os métodos e formatos de treinamento das equipes de Vendas da sua empresa, já sabe que as pessoas têm cada vez menos paciência e tempo livre para ficar sentadas em frente a um computador durante horas fazendo um curso

Estamos permanentemente buscando novas formas mais eficientes e ágeis de transmitir conhecimento, principalmente se for on-line. A aprendizagem nesse universo cada vez mais digital passa a andar de mãos dadas com atividades sociais, como em uma rede social, que atrai a pessoa para aquele ambiente por ser um momento divertido (enquanto aprende e adquire conhecimento).

Não basta ter a tecnologia, a plataforma, a metodologia, é preciso também construir as jornadas de aprendizagem de uma forma instigante! Quando o treinamento é para vendedores, temos em mente que eles vão aproveitar aqueles cinco minutinhos em uma sala de espera ou entre duas reuniões para acessar o conteúdo: e isso precisa ser estimulante, simples, prático – melhor ainda se estiver em um formato fácil de entender.

Afinal, precisamos tornar possível que a aquisição de novos conhecimentos seja uma atividade contínua, o lifelong learning. Por isso, preparamos algumas dicas de como montar os treinamentos dentro da Academia Digital de Vendas para ter mais engajamento.

 

Conheça agora as dicas para ter sucesso na criação das jornadas de aprendizagem da Academia Digital de Vendas

 

1 – Tempo é dinheiro

Para esse público ágil e dinâmico, o ideal é que cada trilha:

 

  • tenha somente sete ou oito objetos de consumo em cada trilha – cada objeto de consumo é um vídeo, ou texto, ou quizz, por exemplo;

+

  • garanta que cada objeto de consumo se limite a ter de 6 a 8 minutos de duração;

=

  • Assim, se a trilha toda tiver no máximo oito elementos, levará até 1 hora para se consumir um determinado treinamento.

 

2 – Ser relacional

A existência de um mural também é extremamente estimulante.

Pense o espaço para o relacionamento, porque o vendedor é um ser relacional. Se você oferece um local para trocar experiências, como o Mural, está gerando espaço para que essa troca de conhecimento e estímulo mútuos aconteça naturalmente.

 

3 – Interatividade com equipes capilarizadas

A importância do aspecto social e emocional da plataforma, mais até do que a gamificação, são os elementos de socialização. A uniformização do conteúdo permite que ele seja discutido e compartilhado com equipes localizadas em qualquer ponto do país (ou até no exterior).

Você pode ler mais sobre alguns desses conceitos em nosso blog Academias Digitais de Vendas ampliam alcance e uniformizam conteúdo para equipes capilarizadas pelo Brasil.

 

4 – Nascidos para aprender

Muitas metodologias hoje como microlearning e gamificação são fundamentais em treinamentos corporativos, porque elas oferecem a possibilidade de trabalhar os 3 cérebros de cada aluno:

  • Lógico/racional: informações e estratégias, o conteúdo que deve ser passado;
  • Emocional/límbico: cores, sons, storytelling e metáforas das tarefas; e
  • Motor: decisão e movimentação no game.

O que é indicado para acelerar a aprendizagem e gerar memória de longo prazo.

 

5 – Visibilidade e humanização

Outro recurso para o engajamento é permitir que o próprio usuário consiga subir uma imagem, uma foto ou documento que comprove uma atividade realizada, por exemplo.

Ofereça um espaço que o incentive contar sua história de sucesso, ou mesmo quebrar o gelo com imagens do dia a dia do trabalho.

 

6 – Dinamismo

Dê “pílulas” de aprendizado para a equipe, de forma dinâmica, rápida e eficiente, permita que o conteúdo seja degustado em diversos formatos e relembrados em oportunidades como: enigma, quiz ou notificações push.

 

7 – Opção de escolha

Escolher o que ele quer aprender naquele momento, na ordem que prefere. Ao poder consumir o tipo de elemento e na ordem de sua preferência, existe um incentivo para continuar e voltar ao treinamento. É diferente de ter uma trilha sem opções de trajetória, maçante, e que acaba levando o usuário a desistir.

A Academia Digital de Vendas se torna uma plataforma de interatividade e engajamento também porque o colaborador deixa um aprendizado passivo e passa a ser ativo nesse processo.

Todos esses fatores são diferenciais, promovem um amplo engajamento das pessoas com o treinamento e, por consequência, com a empresa também. O comprometimento do colaborador se torna visível a partir dos compartilhamentos, participação, feedbacks, ranking e dados de entrega.

 

Quer conhecer como atrair e engajar suas equipes de vendas nos treinamentos? Entre em contato com a i9Ação para uma conversa sobre a Academia Digital de Vendas!

 

Pin It

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.