IMG_1284Descubra como foi o primeiro Workshop da Amazing Game Builders, a nova plataforma de games digitais para aprendizagem da i9Ação

O mês de março marcou o primeiro encontro da nossa nova Plataforma de games digitais para aprendizagem: a Amazing Game Builders! E foi bem bacana, viu? Tivemos convidados especiais e a presença de profissionais do Hospital Albert Einstein, Telefónica, Cacau Show, Itaú e CWT, só para citar alguns!

E também tivemos muuuita gente que queria estar com a gente mas não conseguiu, principalmente porque não mora em São Paulo! Vocês pediram pra gente fazer uma transmissão online, mas o formato super interativo baseado em design thinking, post-its e unicórnios não permitiu – fiquem ligados que nossas próximas interações também serão digitais!


desenvolvimento da cultura corporativaDescubra porque o Empoderamento Criativo pode ser um caminho para acelerar o desenvolvimento da cultura corporativa em sua empresa e para gerar mais engajamento e motivação de seu time

OK, o tempo está cada vez mais curto e a quantidade de tarefas não para de crescer. Mas o que você faz, dentro de seu time, para lidar com esse novo cenário? Uma dica pode ser estimular o amadurecimento de sua equipe, a partir do chamado Empoderamento Criativo, ou Empowerment.

A gente já falou, aqui no Avatarh, o que é o Empoderamento e como você pode aplicá-lo. Mas talvez você não saiba o porquê e nem como o Empowerment vai melhorar de verdade seu dia a dia. Se esse é seu caso, pense o seguinte:


Empoderamento criativoVeja quais são os cuidados e condições essenciais para ter melhores resultados com o Empoderamento Criativo

Quantas vezes sua companhia precisou tomar uma decisão rápida para resolver um problema? E como seu time colaborou para propor essas soluções em cada uma dessas ocasiões? Se você acha que a participação do seu time pode ser melhor e mais eficaz, talvez seja hora de pensar em formas de valorizar o Empoderamento Criativo na sua equipe.

Para aplicar o chamado Empowerment, porém, é preciso tomar alguns cuidados e analisar bem as condições desse cenário. Por isso, preparamos algumas dicas para sua companhia ter sucesso nesse movimento. Confira:


Eficiência do treinamentoVocê conhece a relação entre Gamificação, Aprendizagem e Engajamento?

Quer melhorar a performance, a comunicação, a interação entre as equipes e a aprendizagem em sua empresa? Saiba que essa tarefa pode ser muito mais simples aplicando a gamificação!

No Playbook: 10 Segredos para a eficiência de treinamento com Gamificação, Aprendizagem e Engajamento, disponibilizamos as principais práticas utilizadas por nós, ao longo dos nossos 15 anos de experiência, com o desenvolvimento e aplicação de games em grandes corporações e instituições.


CriatividadeO Game Jam motiva o engajamento dos jogadores, estimula a criatividade e os torna capazes de produzir um conteúdo rico em pouco tempo

Hoje em dia, as empresas precisam encontrar métodos para que possam fazer seus funcionários terem um ótimo desempenho, serem engajados e darem o máximo do potencial nas tarefas do trabalho.

E você sabe qual o método usado por grandes empresas? Os jogos corporativos. Sim, é isso mesmo! Empresas como Google, Telefônica, Santander e outras usam o Game Jam para desenvolver diversas habilidades de seus funcionários.


GamificaçãoA gamificação é utilizada pelas empresas para despertar o potencial criativo e de inovação dos colaboradores

No universo empresarial, a cocriação de jogos corporativos é cada vez mais uma solução de treinamento. Hoje em dia, grandes e médias empresas estão adotando o Game Jam da i9Ação para despertar o potencial criativo e também para promover integração entre toda a equipe.

Para falar de engajamento, o Portal Gestão & Negócios publicou uma nota sobre como os jogos corporativos estão sendo utilizados para envolver os funcionários de maneira criativa. A nota aborda, inclusive, que a cocriação de jogos engaja por transformar os participantes em embaixadores do game criado.


A experiência do Game Jam foi aberta para executivos aprenderem como a gamificação é utilizada para o engajamento e a aprendizagem dos colaboradores

Para os executivos que precisam de uma ação diferenciada e eficiente com seus colaboradores e não conheciam o potencial dos jogos corporativos, foi oferecido, na última terça-feira (21), o Game Jam para disseminar a vivência de criar jogos empresariais. A iniciativa foi da i9Ação Treinamento e Desenvolvimento em parceria com o Espaço Fit, local do evento.

Publicado no Portal Mundo RH, o evento contou com a presença de 120 participantes, sendo 9 pessoas que já haviam participado antes. No total, foram 35 empresas e instituições representadas – como Cacau Show, Telefônica-Vivo, ESPM, KPMG, McDonald’s, TOTVS, Burger King, bem como, Caixa Econômica Federal e Associação Paulista de Medicina, que tiveram a experiência de cocriar jogos e conhecer a gamificação corporativa na prática.


Funcionários engajadosi9Ação foi destaque em reportagem sobre liderança

Segundo pesquisa elaborada pela Robert Half, empresa especializada em recrutamento, nove em cada dez empresas brasileiras possuem profissionais com perfil de liderança.  O problema, porém, é que a maior parte dessas companhias não conseguem identificar esses líderes por não terem programas sistemáticos voltados para essa descoberta.

Mas como isso impacta, de verdade, a rotina das empresas? Este foi o ponto de partida para reportagem do Portal Fecomercio, que contou com a participação de Fernando Seacero, sócio-fundador da i9Ação e especialista no desenvolvimento de treinamentos gamificados.


TrabalhoAo entrar no mercado de trabalho, tenho certeza que não foi só minha a busca por uma forma de manter, ao menos, um pouco da sensação de criatividade e liberdade. Alguns encontraram!

Um dia, ainda na época de universidade, um amigo meu escreveu uma carta para si mesmo. A carta era uma despedida, da vida e da liberdade vivida até ali, para entrar (como ele definiu) no “mundo dos homens sérios, onde nosso pescoço é preso por uma gravata e nossas ideias limitadas por sua patente”.

A partir destas inquietações, iniciei meus estudos no último ano universitário sobre memória, desenvolvimento humano, engajamento e prazer no trabalho. E, após alguns anos de experiência de trabalho, percebi que a necessidade de metodologias e estratégias para facilitar o engajamento e a felicidade, em diferentes posições e funções nas organizações, era uma grande oportunidade.