É possível inovar em sua estratégia de gestão de pessoas?

Veja dicas e ideia para evoluir suas ações de gestão de pessoas diante das transformações do mercado de

Gestão de pessoasVeja dicas e ideia para evoluir suas ações de gestão de pessoas diante das transformações do mercado de trabalho

As mudanças do mercado de trabalho não param: temas como a flexibilização da jornada e home office, por exemplo, estão ganhando cada vez mais importância dentro das empresas. E o que isso quer dizer? Simples: sua estratégia de gestão de pessoas está sob pressão.

Para se ter uma ideia do tamanho dessa pressão, faça o seguinte: pesquise quantos conceitos e ideias existem, hoje, para ajudar nos desafios diários de uma equipe de Recursos Humanos.

Com certeza, você encontrará muitos, e com eles a dúvida sobre como saber lidar com tantas transformações e também evoluir em sua estratégia de gestão de pessoas.

Gestão de Pessoas. O que é isso, afinal?

Na prática, a gestão de pessoas deve estabelecer um plano de ações pensado para se garantir o alinhamento da cultura organizacional ou para gerar mecanismos de atração e retenção de talentos.

Sendo assim, nada mais justo do que colocar o desenvolvimento humano como parte fundamental para o sucesso de uma grande empresa, certo? Afinal, é este planejamento que conduzirá a integração entre os times e práticas!

Mas há, ainda, algo importante a ser dito: o desenvolvimento dos times internos não é essencial apenas para quem trabalha com RH. Seguir uma estratégia de gestão de pessoas também precisa ser parte do desafio diário de quem lidera a organização.

O que está em jogo na Gestão de Pessoas?

Você certamente já ouviu falar de várias soluções para melhorar o desempenho de sua equipe. Mas é bom lembrar que seu trabalho não é apenas aprender a gerenciar times em uma nova era, cercada de aplicativos, tecnologias e conceitos.

A Gestão de Pessoas segue com a pauta de entender as necessidades da equipe e da organização como um todo.

Ou seja: diante de um cenário em plena transformação, saber usar as mudanças trazidas pelo dia a dia é, sem dúvida, um diferencial. Mas ele precisa vir acompanhado de boas experiências, com ações que realmente estimulem seus colaboradores a desempenharem um bom trabalho.

Em outras palavras, isso significa que o jeito como o departamento de RH se comunica e o modo como ele engaja os colaboradores de seu time é muito mais importante do que apenas apresentar novas tendências e métricas de mensuração dos resultados.

Pense no seguinte: quanto sua equipe produziria a mais se ela estivesse motivada com o propósito da sua companhia?

Mais do que evolução ou transformação, propor experiências de alta aprendizagem segue como pilar da estratégia de gestão. Cabe ao gestor, no fim, mesclar as novidades com o que já está funcionando, em busca de bons resultados!

E, então? Quer levar uma boa experiência e estimular os resultados de seu time? Fale com um de nossos consultores e veja como a i9Ação pode ajudá-lo!

Deixe um comentário