Aprendizagem baseada em projetos. O que é isso?

Quer valorizar a capacidade de sua equipe, desenvolvendo uma tomada de decisão mais rápida e efetiva? A aprendizagem baseada

Aprendizagem baseada em projetos

Quer valorizar a capacidade de sua equipe, desenvolvendo uma tomada de decisão mais rápida e efetiva? A aprendizagem baseada em projetos pode ajudá-lo a tornar isso realidade

Administrar bem uma equipe nem sempre quer dizer tomar a frente e ensinar todos os passos do dia a dia. Às vezes, é preciso saber criar formas para que seu time seja capaz de buscar a saída quando algum problema surge. É esse o conceito da aprendizagem baseada em projetos.

Mas o que é a aprendizagem baseada em projetos, afinal?

aprendizagem baseada em projetos, ou Project Based Learning (PBL), é um método de capacitação ativa que propõe a inclusão da atividade prática como ferramenta de ensino – e que vem se tornando uma ótima opção para renovar os treinamentos corporativos.

Em outras palavras, isso quer dizer o seguinte: ao invés de explicar todos os pormenores de uma atividade, o aluno é convidado a participar de ações reais para o desenvolvimento da competência a ser trabalhada.

Como funciona o PBL?

Normalmente, o caminho oferecido aos participantes desse tipo de método de treinamento é bastante simples:

  1. É sugerido um problema;
  2. Os participantes, então, devem investigar quais são as possíveis causas desse problema (elaboração das hipóteses);
  3. Já conhecendo a questão e suas origens, os alunos precisam definir as táticas para a resolução do erro;
  4. Com o plano estabelecido, por fim, eles passam à execução do plano.

Dessa forma, a ideia é que o indivíduo seja capaz de interagir com sua realidade, estabelecer o que há de errado e, de forma assertiva, sugerir soluções e prevenções ao erro.

Estudo de Caso: o exemplo da Quest to Learn, de Nova Iorque

aprendizado ativo tem sido usado como ferramenta de diversas instituições ao redor do mundo. Uma experiência bastante conhecida, por exemplo, é a da Quest to Learn, escola pública de Nova Iorque, que é frequentemente lembrada como a primeira escola do mundo a ter todo ensino baseado em gamificação, com foco em atividades práticas.

Fundada em 2009, a meta da Quest to Learn é usar 7 princípios para a construção do conhecimento de seus alunos. São eles:

  • Todos devem participar;
  • O desafio precisa ser estimulado de forma constante;
  • O aprendizado tem que nascer da prática e da observação;
  • O Feedback é imediato e contínuo;
  • É preciso saber usar as falhas como oportunidade;
  • Foco no compartilhamento de conhecimentos e habilidades;
  • Procura pela sensação de estar jogando;

Quais são os resultados?

Além de melhorar os índices de engajamento e presença nas aulas, a Quest to Learn se destacou pelo avanço do desempenho dos alunos em atividades ligadas à lógica e análise de problemas, envolvendo lições de matemática e ciências, entre outras disciplinas.

Em linhas gerais, as crianças passaram a se motivar mais e com melhor interação dentro de seus grupos. Já os professores tiveram novas formas de avaliar as dificuldades de cada estudante (e da classe), orientando o trabalho de forma mais adequada e específica.

De que forma a aprendizagem baseada em projetos pode ser útil às empresas

Não é apenas dentro das escolas que esse cenário é possível: imagine propor uma solução de Team Building capaz de revelar as lideranças e habilidades de seu grupo?

O PBL ajuda justamente nisso: valorizar a capacidade de cada colaborador, reforçando o conceito de colaboração entre os profissionais da unidade de trabalho, com sólido Empoderamento Criativo. Isso porque ele pode ressaltar pontos como:

  • Lógica
  • Visão crítica
  • Empatia com os demais colaboradores
  • Sinergia
  • Liderança
  • Confiança

Por outro lado, no entanto, é preciso lembrar que sua gestão deve ter em mente alguns cuidados na hora de colocar a aprendizagem por projeto em prática. Mas isso, no caso, a gente vê em outro texto!

Quer saber quais são essas ferramentas e oportunidades essenciais para usar o Project Based Learning? Então, fique ligado aqui no AVATARH, nas nossas redes sociais ou fale já com nossos especialistas!

Deixe um comentário