Academia Digital de Vendas

Imagem: Marcus Souza

Por Fernando Seacero

Treinamento para vendedores com soluções fáceis e gamificadas, no celular, estão impactando positivamente no resultado das empresas: são as Academias Digitais de Vendas. Vendedores são práticos, gostam de desafios e funcionam muito melhor quando bem informados!

A pandemia agilizou a digitalização das empresas e fez com que muitos dos treinamentos corporativos – ou quase todos – migrassem para plataformas digitais e aplicativos para celulares.  As equipes comerciais são umas das principais impactados por esta mudança, a demanda de atualização constante é suprida muitas vezes por meio de uma Academia de Vendas, agora, Digital.

Companhias com equipes espalhadas por cidades em todo o país tiveram de adotar rapidamente recursos que permitissem os “velhos” e novos treinamento de seus colaboradores à distância com eficiência. Com soluções tecnológicas, os vendedores já conseguem realizá-los em qualquer lugar, usando tablets ou smartphones.

Hoje em dia, após algumas implementações durante a pandemia, já ouvimos gestores dizerem que é essencial ter uma plataforma digital gamificada para atingir todos os profissionais de vendas. Contar com uma ferramenta simples, rápida de implantar, descomplicada para o uso e acessível a todos é a melhor forma de engajar pessoas e aumentar a competitividade da empresa.



principal armadilha a ser evitada na educação corporativa on-line

Imagem: Marcus Souza

 

Por Fernando Seacero

As mudanças trazidas pela pandemia em 2020 impactaram as pessoas, as escolas e também as organizações. E mesmo após meses, ainda estamos vivendo um momento em que não sabemos como será o futuro. E desculpem-me os futurologistas, mas ninguém nunca soube de fato.

Como disse Abraham Lincoln, “The dogmas of the quiet past are inadequate to the stormy present”, ou seja, os dogmas do passado calmo são inadequados para o presente tempestuoso.

O que temos aqui no presente é um desafio de como ter aprendizagem de qualidade, mesmo considerando nossa distância. Nossos dogmas passados, entre eles aprender em salas de aula e presencialmente, não têm mais qualquer sentido.

Só para recordar, pesquisas sobre aprendizagem nos mostram que uma aula expositiva, um webinar sem possibilidade de interação após o evento ou mesmo apenas telas com conteúdos que avançam geram retenção de no máximo 12% do conteúdo nos 60 dias subsequentes. E o que isso significa na prática? Que as pessoas simplesmente se esquecem de quase tudo o que deveriam ter aprendido quando a aula não interage, desafia, engaja etc.

Bem, então quais as principais armadilhas que devemos evitar para que isso não ocorra?